Os nomes de Deus

 

 

OS NOMES DE DEUS

ANTIGO TESTAMENTO

 

 

 

Aqui está uma informação que podemos precisar em determinado momento, e talvez não saibamos onde encontrar. 

Cada um dos muitos nomes de Deus descreve um aspecto diferente do Seu caráter multifacetado. Vejamos alguns desses nomes que são os mais conhecidos na Bíblia Sagrada, cada um deles acompanhado do significado.

 

EL ELOAH

 

Segundo se pode ver em Gênesis 17:7 e 33:20 e Isaías 9:6, El Eloah significa Deus Poderoso, Deus Pessoal, Deus Forte, Deus Proeminente e Senhor meu Deus. Se nos aprofundarmos na etimologia da palavra, veremos que originalmente EL significa “poder”, quando queremos dar uma ideia de que possuímos poder para fazer tal coisa (Gênesis 31:29). Estudando um pouco mais, descobrimos que EL também pode ser associado com outras qualidades como “integridade” (Números 23:19), “zelo” (Deuteronômio 5:9) e “compaixão” (Neemias 9:31). Todas, porém, sempre partindo da raiz original de “poder”.

 

ELOHIM

 

Segundo se pode ver em Gênesis 17:7, Gênesis 1:1;26,27 e Jeremias 31:33, Elohim quer dizer Soberano Criador, Deus Poderoso e Deus Forte. Esse nome tem como significado a forma plural de ELOAH, no momento em que queremos nos referir à Trindade. Já na primeira frase da Bíblia (Gênesis 1:1), a natureza superlativa do poder de Deus — Elohim — fala para que o mundo exista. Segundo pesquisas nossas, referindo-se à força e ao poder de Deus ELOHIM aparece 2.570 vezes na Bíblia Sagrada


EL SHADDAI

 

Consultando Gênesis 49:24,25, Gênesis 17:1 e Salmos 132:2,5, aprendemos que El Shaddai quer dizer Deus Todo-Poderoso e também Deus Poderoso de Jacó.  Esse nome fala do poder supremo de Deus sobre todos. Ainda tem quem diga que significa Deus das Montanhas.

 

EMANUEL

 

Esse título também é mencionado nas profecias messiânicas de Isaías, no capítulo 7:14, onde ele fala do nascimento de Jesus Cristo, que viria a ser chamado de Emanuel, que significa Deus conosco. 

 

ADONAI

 

Consultando Gênesis 15:2, Juízes 6:15, Provérbios 9:10 e Salmo 2:4  vemos que Adonai é usado quando queremos dizer que Ele é “Senhor” (Dono, Senhor absoluto), mas usado no lugar de outro nome (Yhwh) que os judeus consideravam sagrado demais para ser pronunciado por homens comuns, homens pecadores. No Antigo Testamento, YHWH era mais usado quando Deus tratava com o Seu Povo, enquanto que ADONAI era mais usado quando Deus tratava com os gentios, ou seja, os não-judeus. Entendimento para o título: Deus tem total autoridade.

 

YHWH ou YAHWEH

 

Também é conhecido pela grafia aportuguesada JAVÉ. Esse tratamento, conforme Deuteronômio 6:4 e Daniel 9:14 corresponde ao mais conhecido para nós como Jeová, e o Deus Eu sou, aquele que se revela.  Traduzido nas Bíblias em português como SENHOR (em letras maiúsculas), exatamente para diferenciá-lo de Adonai — Senhor (só inicial maiúscula). A revelação desse nome foi inicialmente dada a Moisés, na frase “Eu sou quem eu sou” (Êxodo 3:14). Esse tratamento especifica um imediatismo, uma presença. YAHWEH está presente, acessível, perto dos que O invocam por livramento (Salmo 107:13), perdão (Salmo 25:11) e por orientação (Salmo 31:3).  A tradução JEOVÁ é considerada por alguns como o único nome próprio usado para Deus, aparecendo 6.823 vezes na Bíblia Sagrada.

 

JEOVÁ-JIRÉ

 

Conforme Gênesis 22:8,14, JEOVÁ-JIRÉ quer dizer Deus proverá, e como exemplo lembramos que foi utilizado por Abraão quando Deus lhe fez aparecer um carneiro para ser sacrificado no lugar de Isaque.

 

JEOVÁ-RAFÁ

 

De acordo com Êxodo 15:26, vemos que Jeová-Rafa quer dizer Deus que te sara, e estamos falando de cura tanto do corpo como da alma. Explicando melhor: Ele sara as doenças e preserva o corpo, e quanto à alma, Ele dá Seu perdão pelas nossas iniquidades.

 

JEOVÁ-NISSI

 

Alguns gostam de usar a grafia YAHWEH-NISSI. Lendo Êxodo 17:15 entendemos esse outro significado para o Senhor:  Senhor nossa bandeira ou Senhor nosso estandarte. Esclarece-se que por bandeira ou estandarte entende-se um lugar estipulado para reunião estratégica antes de uma batalha. Observe que esse nome comemora a vitória sobre os amalequitas no deserto, conforme o capítulo 17 acima, de Êxodo.  

 

JEOVÁ-MAKADESH

 

Também pode ser escrito como JEOVÁ M’KADESH. Estudando Levíticos 20:7,8 e Ezequiel 37:28 vemos que Deus deixa claro que apenas Ele, e não a Lei, pode purificar o Seu Povo e fazer Seus filhos santos. É por isso que JEOVÁ-MAKADESH quer dizer Deus Santo, Deus que santifica ou Deus que torna santo, Deus Santificador.

 

JEOVÁ-SHALOM

 

Esse nome foi utilizado em Juízes 6:23,24, quando Gideão construiu um altar ao Deus, depois que o Anjo do Senhor lhe assegurou de que ele não morreria em batalha. +Assim, o significado para Deus, nessa situação é O Senhor é nossa paz, ou O Senhor é Paz. O entendimento para esse título é que Deus traz harmonia e paz interior para o povo.

 

JEOVÁ-ELOIM

 

Já vimos esse título grafado como JEOVÁ ELOENU. Esse nome dado a Deus é uma combinação do singular de YHWH com o nome genérico Senhor, significando que Ele é O Senhor dos Senhores. Em Gênesis 2:4 e Salmo 59:5 aprendemos que podemos traduzir esse título como Senhor Deus. Deuteronômio 6:4 registra esse título como Senhor nosso Deus.

 

JEOVÁ-TSDEKENU

 

Esse título pode ser traduzido como O Senhor nossa justiça (Jeremias 33:16 e Jeremias 23:5,6). Da mesma forma como acontece com JEOVÁ-MAKADESH, só Deus proporciona a justiça para o homem, inclusive na pessoa de Jesus Cristo, aquele que tornou-se pecado por nós "para que nele fôssemos feitos justiça de Deus" (2 Coríntios 5:21). Para embasar o uso do título, fica o seguinte entendimento: O Justo justifica o Seu Povo.

 

JEOVÁ-ROHI

 

De acordo com o Salmo 23:1 Deus é invocado com o nome de O Senhor é meu Pastor. Davi, ao escrever esse salmo, observou que sua ocupação de pastor cuidando de ovelhas se assemelhava ao que o Senhor fazia com ele, mantendo uma relação igual de cuidados. É por isso que Davi declara nesse salmo: “"Yahweh-Rohi é o meu Pastor. Nada me faltará" (Salmo 23:1).

 

JEOVÁ-SHAMMAH

 

Conforme se lê em Ezequiel 48:35 e Isaías 63:9 esse título de Deus significa O Senhor está presente aqui. Esse nome é atribuído a Jerusalém e ao templo lá existente, indicando que a glória do Senhor (Ezequiel 8-11) havia retornado (Ezequiel 44:1-4). 

 

JEOVÁ-SABAOTH

 

Também é grafado como JEOVÁ TSEBAÔ, e é muito usado para significar Senhor dos Exércitos, conforme se vê em Isaías 1:24 e Salmos 46:7. Exércitos significam "hordas", tanto dos anjos quanto dos homens. Deus é o Senhor dos Exércitos Celestes e dos habitantes da Terra, dos Judeus e Gentios, dos Ricos e Pobres, Mestres e Escravos. O nome expressa majestade, poder e autoridade de Deus e mostra que Ele é capaz de realizar o que se determina a fazer. 

 

EL ELYOM

 

Esse nome tem a ver com Deus Altíssimo (Gênesis 14:17-20, Deuteronômio 26:19 e Daniel 4:2 e 5:18 ) e se deriva da raiz hebraica que significa subir ou ascender. Logo se entende que a implicação refere-se a alguma coisa que é muito alta. El Elyon denota a exaltação e fala de um direito absoluto ao senhorio. Outra fonte defende que tudo isso tem a ver com o fato de Deus ser o criador do Céu e da Terra.

 

EL ROI

 

Em Gênesis 16:13 verificamos o uso desse nome, com o sentido de Deus que vê.  Esse nome foi atribuído a Deus por Agar, a escrava de Abraão e Sara, depois que foi expulsa da casa do seu amo e encontrou o Anjo do Senhor. Ela percebeu que tinha visto o próprio Deus numa teofania. Ela também percebeu que EL ROI a viu em sua angústia e testemunhou ser um Deus que vive e vê tudo.  

 

EL-OLAM

 

Esse título significa Deus Eterno, conforme o salmo 90:1-3. Como a natureza de Deus não tem princípio nem fim e nem quaisquer limitações de tempo, Deus contém dentro de Si mesmo a causa do próprio tempo. Veja o que está escrito: "De eternidade em eternidade, tu és Deus."  Outra fonte diz que esse título leva ao seguinte entendimento:  “Temos segurança porque Deus vive.”

 

EL-GIBOR

 

Esse título para Deus está em Isaías 9:6, chamando-o de Deus Poderoso. É esse o nome que descreve Jesus Cristo, o Messias, numa porção profética. Em outra porção profética, o apóstolo João registrou no livro do Apocalipse 19:15 que “Como um guerreiro forte e poderoso, o Messias, o Deus Forte, vai realizar a destruição dos inimigos de Deus e governar com cetro de ferro. 

 

JEOVÁ MAKKE

 

Esse é traduzido para nós como O Senhor que corrige, e pode ser conferido em Ezequiel 7:9

 

JEOVÁ GMOLÁ

 

Segundo aprende-se nos textos de Rute 2:12, esse título corresponde a Senhor das Recompensas. 

 

 

FONTES DE PESQUISA

 

https//estudos.gospelmais.com.br/os-nomes-de-deus-2

http://ultimato.com.br/sites/timcarriker/files/2007/10/10-nomes-de-deus

http://biblia.com.br/perguntas-biblicas/deus/os-nomes-de-deus-e-seus-significados/

 

PESQUISADOR

Walmir Damiani Corrêa




 

 

Por: Walmir Damiani Corrêa

Publicado em 16/07/2018

Procedência - Sites Evangélicos da Internet

Todos os direitos reservados ©elevados.com.br 2013 - 2018