As leis de Moisés

 ,

AS LEIS DE MOISÉS

CULTURA BÍBLICA

 

 

Para podermos esclarecer melhor nossos leitores, precisamos nos instruir nos ensinos contidos no site www.chamada.com.br, onde diz que as Leis de Moisés pretendiam disciplinar a convivência do povo hebreu, no momento em que saía do Egito, rumando para a terra prometida, Canaã. 

Esse conjunto de leis aparece nos cinco primeiros livros da Bíblia, que compõem o Pentateuco, que em hebraico recebe o nome de Torá, sinônimo de instrução ou doutrina. Trata-se de um código de leis com 613 disposições, ordens e proibições, abrangendo os Dez Mandamentos (relação das pessoas com seus semelhantes e com Deus), as Ordenanças Civis e Religiosas (explicação dos dez mandamentos) e as Leis Cerimoniais (regulamentação das ações eclesiásticas no templo ou no tabernáculo).

Torna-se necessário que os cristãos atuais consigam entender o balizamento dessas leis especificamente israelitas, não as confundindo com o Evangelho pregado por Jesus Cristo (Mateus 5:17) que explicou claramente as diferenças. Ele rejeitou veementemente as ordenanças humanas e obrigações tradicionais judaicas, que foram compiladas mais tarde em contraposição às vontades divinas. 

Assim, vamos conhecer algumas dessas leis curiosas, que foram criadas para a situação daquela época: hebreus saindo de um regime escravo, viajando pelo deserto e encaminhando-se para uma terra nova, para uma vida nova. Uma disciplina nova precisava ser estabelecida.

 

LEIS ACERCA DOS SACERDOTES

 

Existe uma lei antiga acerca dos sacerdotes, que prevê que os mesmos não possam ter qualquer tipo de deformação física, como ser anão, cego, coxo, etc. O sacerdote nessas condições estaria proibido de oferecer ofertas queimadas ao Senhor. (Levíticos 21:20)

 

LEIS SOCIAIS

 

a) Todo aquele que se deitar com um animal será morto. (Êxodo 22:20)

b) Se alguém seduzir uma virgem e se deitar com ela, terá que pagar o seu dote e casar com ela. Porém, caso o pai dela se recuse nesse acordo, ele é quem pagará o valor conforme o dote das virgens. (Êxodo 22:16,17)

 

LEIS ACERCA DOS ESCRAVOS

 

a) Uma lei mosaica determinava que um escravo ganhava a liberdade quando perdia um dente (Êxodo 21:27).  Por outro lado, caso o escravo abrisse mão da alforria e quisesse continuar a ser ao seu senhor, teria sua orelha furada na presença de juízes. (Êxodo 21:5,6)

b) Se um boi chifrar um homem ou mulher, deverá ser morto por apedrejamento e a sua carne não poderá ser comida. O dono do boi não será punido. (Êxodo 21:28)

 

LEIS ACERCA DAS PRIMÍCIAS

 

Essa lei tratava da entrega das primícias na Casa do Senhor. No caso de sacrifício de cabrito, ele não poderia ser cozinhado no leite de sua própria mãe. (Êxodo 23:19)

 

LEIS ACERCA DA PROPRIEDADE

 

Caso alguém coloque dinheiro ou qualquer objeto aos cuidados de outra pessoa, e isso for roubado da casa dessa pessoa, o ladrão pagará o dobro do valor roubado, caso seja descoberto. Caso não seja encontrado o ladrão, o responsável pela guarda do valor será levado à presença de juízes para ser julgada a sua culpa. (Êxodo 22:7,8)

 

LEIS DA PURIFICAÇÃO DOS LEPROSOS

 

Era uma lei que tratava de uma situação difícil, orientando o comportamento das pessoas diante da lepra. Para purificar-se dessa doença, o leproso precisava, além de banhar-se, raspar todos os pelos do seu corpo, inclusive as sobrancelhas. (Levíticos 14:9)

 

 

AUTOR DA PESQUISA

Walmir Damiani Corrêa

 

Por: elevados.com.br

Publicado em 11/06/2016

Procedência - www.elevados.com.br

Todos os direitos reservados ©elevados.com.br 2013 - 2021