A rainha Vitória e sua fé

 A RAINHA VITÓRIA E SUA FÉ

 

 

A rainha da Inglaterra assistiu a um ofício religiosos na Catedral de São Paulo e ouviu um sermão que a levou a perguntar ao capelão da Corte se se podia ficar seguro da salvação eterna ainda nesta vida, quando recebeu esta resposta:  “Não sei por que meio se pode ficar absolutamente certo disto.”

Este diálogo foi publicado nas “Notícias da Corte”, e chegou a ser lido por um humilde pastor, chamado John Townsend. Depois de orar e meditar por algum tempo, o Sr. Townsend enviou à rainha a seguinte carta:

À sua Graciosa Majestade, nossa querida rainha Vitória, da parte de um dos seus mais humildes súditos:

Com as mãos trêmulas, mas de coração pleno de amor, e também porque eu sei que podemos ter absoluta certeza, desde agora, da nossa salvação eterna, e da posse do lugar que Jesus foi-nos preparar, eu tomo a liberdade de solicitar à Vossa Graciosa Majestade se digne ler as passagens seguintes das Santa Escrituras: João 3:16 e Romanos 10:9,10

Estas passagens nos provam que há plena segurança de salvação pela fé em Nosso Senhor Jesus Cristo, para todos aqueles que creem e aceitam a Sua obra completa.

(Assinado) Vosso servo em Jesus.

 

Muitas preces, de numerosos corações, se elevaram a Deus pelo bom resultado desta carta. Cerca de duas semanas mais tarde, chegava um pequeno envelope de volta:

 

A John Townsend:

Vossa carta, de data recente, foi-me benvinda. Es resposta, tenho a dizer-vos que li, com muita atenção e orações, as passagens das Santa Escrituras que vós me indicastes. Eu creio na obra de Cristo cumprida por mim, e pela Graça de Deus, sei que vos encontrarei na morada, de que Ele declarou: “Vou preparar-vos lugar.” 

              (Assinado)  Vitória Guelph.

 

“Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu o seu Filho unigênito para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.” (João 3:16)

“Se com a tua boa confessares a Jesus como Senhor, e eu teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo. Pois com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação.” (Romanos 10:9,10)

“Quem tem o Filho, tem a vida; quem não tem o Filho de Deus, não tem a vida... Estas coisas vos escrevi para que saibais que tendes a vida eterna, e para que creiais no nome do Filho de Deus.” (1 João 5:12,13)

 

PUBLICAÇÃO

Christian Trimph Company (Texas,EUA)

Folhetos Evangelísticos dos Anos 80

 

 

NOTA DO SITE ELEVADOS

 

A rainha Vitória da Inglaterra nasceu do dia 24/05/1819, filha do duque de Kent e da ex-princesa de Leininge, levando o nome de Alexandrina Vitória Regina. Sua coroação aconteceu em 28/06/1838, sucedendo ao rei Guilherme IV e foi sucedida pelo seu filho Eduardo VII.  

Seu reinado durou sessenta e quatro anos (1837-1901), e seu governo ficou conhecido como a “Era Vitoriana”, período de grande ascensão da burguesia industrial. Ela morreu em 22/01/1901, em Windsor, aos 81 anos de idade.

 

 

 

 

 

Por: AUTOR DESCONHECIDO

Publicado em 27/06/2017

Procedência - www.elevados.com.br

Todos os direitos reservados ©elevados.com.br 2013 - 2021