Seguir a Jesus e não olhar atrás

 SEGUIR A JESUS 

E NÃO OLHAR ATRÁS
 
 
 
Seguir Jesus é o mais fascinante projeto de vida
 
 
 
Indo eles pelo caminho, alguém lhe disse: Senhor, seguir-te-ei para onde quer que fores. Respondeu-lhe Jesus: As raposas têm covis, e as aves do céu ninhos, mas o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça. Disse a outro: Segue-me. Mas ele respondeu: Senhor, deixa que primeiro eu vá enterrar meu pai. Respondeu Jesus: Deixa aos mortos enterrar os seus mortos, porém tu vai e anuncia o Reino de Deus. Disse também outro: Senhor, eu te seguirei, mas deixa-me primeiro despedir dos que estão em minha casa. Jesus lhe disse: Ninguém, que lança mão do arado e olha para trás, é apto para o reino de Deus.  (Lucas 9:57-62)

Depois disso, Jesus saiu e viu um cobrador de impostos, chamado Levi, assentado na coletoria, e disse-lhe: Segue-me!  Ele, deixando tudo, levantou-se e o seguiu. Lucas 5:27,28)
 
 
 
INTRODUÇÃO
 
 
 
Seguir a Jesus e jamais retroceder. É essa a lição que extraímos dos nossos textos desta mensagem. No mesmo momento nos vem à lembrança a mulher de Ló, aquela que não resistiu e olhou prara trás.
 
O povo israelita cansou de fazer isso. Vivia comparando o que tinha com o que já tivera. Eram supridos a cada dificuldade que aparecia, mas não se cansavam de reclamar, de lembrar de coisas, de olhar para trás.
 
Você que está na igreja e para pensar nas coisas que já se passaram, acabará pondo em risco a sua fé, começará a valorizar as coisas do mundo e abandonar a salvação tão honrosa e imerecida que recebeu. Eu não quero voltar atrás. Você também não deveria pensar nisso.
 
Segundo o reverendo Caio Fábio, "seguir Jesus é o mais fascinante projeto de vida", porém não é fácil seguir a Jesus, apesar de muita gente dizer por aí o contrário. Alguns seguem Jesus de perto, outros de longe, e outros ainda seguem após Jesus, seguem Suas pisadas, vão caminhando exatamente onde Ele caminhou, agindo como Ele agiu enquanto estava entre nós. Mas não é fácil.
 
Nosso primeiro texto mostra três tipos de seguidores que Jesus encontrou na Sua peregrinação, os quais tentaremos classificar, a partir de agora.
 
 
 
Jesus convida pescadores para segui-Lo
 
 
 
O SEGUIDOR IMPULSIVO
 
 
 
Quando Jesus convidou um discípulo a segui-Lo, ele prontamente concordou  em fazer isso, dizendo que O seguiria onde quer que fosse. Jesus, sabiamente, colocou barreiras diante do homem, mostrando que a vida daqueles que O seguissem seria dificílima, dura. E veja que a Bíblia não menciona a decisão desse homem após as restrições feitas por Jesus. Ele deve ter voltado atrás.
 
Tem gente pensando que a vida com Jesus é só bênção. É preciso entender que somos co-participantes do vitupério, dos sofrimentos de Cristo, enfrentando tudo aquilo que Ele enfrenta. Você está preparado para isso? Você está preparado para ser chamado de “chato”, de “fanático”, etc., e mesmo assim continuar a seguir a Jesus?
 
Precisamos nos desprender das coisas que nos rodeiam, e nos ater à corrida da fé. Você não pode conciliar Jesus com os seus problemas, com o seu dinheiro. Não dá! Jesus tem que estar em primeiro lugar! Deixe o resto para trás! Isso é seguir Jesus. No primeiro obstáculo já estaremos pensando em voltar atrás. É como a semente plantada em terreno pedregoso: não dura muito. 
 
Graças a Deus que no Brasil podemos vivenciar a fé cristã com liberdade, mas em outros lugares irmãos nossos perderam anos na prisão por estarem seguindo a Jesus; outros morreram por causa disso.
 
Na Igreja Primitiva os discípulos se livravam de tudo que tinham para seguirem a Jesus. Faziam isso motivados pelo amor, é verdade, mas também porque sabiam que poderiam perder tudo a qualquer momento para os seus perseguidores.
 
No Brasil é fácil seguir a Jesus. Segui-Lo significa abdicar de direitos. Jesus é nosso Senhor e como tal tem direito à nossa vida, àquilo que possuímos.
 
 

Seguir a Jesus sem manifestar dúvidas
 
 
 
O SEGUIDOR QUE SE PRENDE ÀS TRADIÇÕES
 
 
 
O segundo discípulo a ser convidado pediu que Jesus esperasse para que ele pudesse ir ao enterro do seu pai. E Jesus lhe respondeu para deixar os mortos enterrarem os mortos. 
 
Muitos têm medo de seguir a Jesus por causa do que podem pensar os seus familiares. Afinal, quem é mais importante? Você não precisa abandonar a sua família;  apenas coloque Jesus acima dela.
 
Eu sou o único crente na minha família. Um tio chegou a me dizer que não me considerava mais seu sobrinho, por causa disso! Ele planejava que eu me transformasse num cantor, num artista e decepcionou-se.
 
Mas Jesus me dá a alegria que os aplausos nunca poderiam me dar. A glória deste mundo é passageira, mas a de Cristo é permanente! Jesus passou a ser o objetivo principal da minha vida, e não os discos que pretendia gravar. Eu passei a ter a mente impregnada por Cristo, e não por sonhos de sucesso. Minha boca, minhas mãos, tudo que me faziam ser admirado eu consagrei à obra de Cristo.
 
Já o nosso personagem, ao ser chamado para seguir a Jesus, queria primeiro sepultar os seus mortos. Muitas pessoas colocam suas tradições religiosas acima de Cristo, o que se torna um grande impedimento ao verdadeiros discípulo de Cristo. Jesus disse ao fariseu que as tradições deles estavam acima dos mandamentos de Deus (Mateus 15:3,6). Para seguir a Jesus você tem que abdicar de tradições religiosas, pois Jesus representa muito mais que todas elas.
 
 
 
O SEGUIDOR QUE OLHA PARA TRÁS
 
 
 
Quando Jesus chamou ao terceiro, esse queria despedir-se dos seus familiares. Estava olhando para trás enquanto Jesus estava à sua frente. É para a frente que devemos direcionar nossos interesses.
 
Foi o que aconteceu no mar da Galiléia: enquanto Pedro olhava fixamente para Jesus, sobre o mar revolto, caminhou sobre as águas, mas quando olhou para trás, preocupado com as ondas violentas, começou a submergir.
 
Pare de olhar para as ondas que o cercam! Jesus está contigo o tempo todo! Fixe os olhos n’Ele! Não olhe para os homens! Não se preocupe com os escândalos criados por líderes evangélicos! Jesus nunca deu escândalo, então olhe para Ele!  Olhe prara a frente! É ali que Ele está!
 
Hebreus 12:2 nos ensina a olhar para Jesus, autor e consumador da fé. Se você fixar-se no seu objetivo de seguir a Jesus, você jamais olhará para trás. Não esqueça: por olhar para trás a mulher de Ló perdeu a sua salvação.
 
 
Não olhar para trás, só para Jesus
 
 

O SEGUIDOR QUE ABANDONA TUDO
 
 
 
Como nosso primeiro texto não fala do verdadeiro seguidor, precisamos retornar para o capítulo 5, que fala de um cobrador de impostos chamado Levi. Segundo a história, esse homem é Mateus, que viria a se tornar o autor do primeiro Evangelho do Novo Testamento.
 
Ali a história foi diferente: quando Jesus o convidou a segui-Lo, ele incontinente largou tudo e seguiu-O. Não estamos incentivando ninguém a abandonar sua esposa para poder seguir a Jesus! Estamos falando em largar tudo espiritualmente!
 
O apóstolo João foi um dos que seguiram Jesus mais de perto. Na última ceia documenta-se João reclinando sua cabeça no peito de Jesus. Quando Jesus estava à morte, na cruz, ali estava João a Seus pés, recebendo ordens para cuidar de Maria. João sempre esteve perto de Jesus. Via Jesus como o maior objetivo para a sua vida.
 
Não sabemos se por essa diferença ou não, João não teve a morte violenta dos demais discípulos. Ele morreu velhinho, na cidade de Éfeso, fechando sua existência com chave de ouro. Foi visitado por Jesus.
 
 
 
João envelhecendo como prisioneiro na Ilha de Patmos
 
 
 
CONSIDERAÇÕES FINAIS
 
 
 
Siga as pisadas de Jesus Cristo, pois elas te levarão ao destino certo. Vá após elas! Tenha confiança, siga cegamente essas pisadas, pois o lugar onde elas darão é bom, é excelente.
 
Você precisa deixar as lembranças para trás! Tudo o que Jesus lhe oferece é melhor do que as coisas que você teima em sentir falta! Os israelitas queixavam-se da falta da comida que lhes era oferecida no Egito, mas o alimento de Cristo é muito melhor! É vitamina espiritual!
 
Não olhe para trás! Não lamente por aquilo que você abandonou! Seu esposo não quer? Então siga você a Jesus! Seus pais não querem? Siga você a Jesus! A salvação é individual, e não coletiva, familiar ou conjugal!
 
Se você perdeu algo ao decidir-se por Jesus, em troca você ganhou a vida eterna e também uma série de coisas importantes. Não olhe para trás! 
 

PREGADOR
 
 
Pr.Paulo Pereira
 
 
A mensagem acima foi pregada no templo antigo da Igreja ADI, em Tubarão/SC, no ano de 1992, mas não temos registros do dia e do mês. Dois textos de Lucas serviram de base para essa pregação:  Lucas 9:57-62 e 5:27,28.
 

 

Por: Paulo Pereira

Publicado em 23/05/2022

Procedência - www.elevados.com.br

Todos os direitos reservados ©elevados.com.br 2013 - 2022